← voltar para plataforma impacto

Programa de e-mails para Pais na Filadélfia (Versão sobre Faltas e Comparação com a Sala)

Publicado em 31/05/2022
Compartilhe:

Qual o objetivo?

Informar pais sobre a vida escolar de seus filhos.

Onde e quando foi implementado?

O programa foi implementado no ano letivo americano de 2014-2015 em escolas públicas da Filadélfia, nos Estados Unidos, no contexto de um estudo experimentalOs estudos experimentais utilizam mecanismos aleatórios (isto é, sorteios) para definir quem será e quem não será contemplado por um determinado programa ou política pública, garantindo que as diferenças futuras entre estes grupos possam ser atribuídas com maior credibilidade à intervenção em si - e não a diferenças entre quem é e quem não é "tratado". envolvendo mais de 30.000 alunos.

Como é o desenho?

O programa atingiu alunos da pré-escola ao 3º ano do ensino médio. Durante o ano letivo, os pais ou cuidadores dos alunos receberam 5 relatórios periódicos, enviados pela escola por e-mail. Os relatórios, que tinham o título "Faltas importam e você pode ajudar" e eram assinados pelo superintendente de ensino da região, enfatizaram a importância da presença em sala de aula para a progressão do aprendizado e apresentaram o número de faltas totais do aluno até o período de envio do e-mail. Além disso, o relatório mostrava, com um gráfico de barras, como o aluno se comparava à média de sua escola e turma.

O que aprendemos com o monitoramento e a avaliação?

Foram documentadas, no artigo listado na seção abaixo, as seguintes evidências a respeito do impacto causal do programa:

De onde vem essa informação?

  1. Rogers, T., & Feller, A. (2018). Reducing Student Absences at Scale by Targeting Parents’ Misbeliefs. Nature Human Behaviour, 2(5), 335-342.

Estamos trabalhando para que as páginas contemplem toda a evidência documentada sobre o tema e estejam sempre atualizadas. Se você quiser sugerir algum artigo, entre em contato.