← voltar para plataforma impacto

Plan Apoyo Compartido em Escolas do Ensino Fundamental no Chile

Publicado em 25/02/2024 Atualizado em 25/02/2024
Compartilhe:

Qual o objetivo?

Aumentar a aprendizagem, modificando práticas dentro da sala de aula e na escola, e diminuir a desigualdade em indicadores educacionais escolares.

Onde e quando?

Plan Apoyo Compartido (PAC) foi implementado a partir de 2011, no Chile. Os resultados abaixo se referem a um estudo experimentalOs estudos experimentais utilizam mecanismos aleatórios (isto é, sorteios) para definir quem será e quem não será contemplado por um determinado programa ou política pública, garantindo que as diferenças futuras entre estes grupos possam ser atribuídas com maior credibilidade à intervenção em si - e não a diferenças entre quem é e quem não é "tratado". implementado nos anos iniciais do programa, envolvendo 843 escolas e aproximadamente 30.000 crianças.

Como é o desenho?

O programa teve por foco escolas públicas e escolas privadas subsidiadas pelo setor público, que tinham baixo desempenho em exames padronizados.

O desenho incluiu dois componentes centrais. O primeiro foi de desenvolvimento de material pedagógico unificado e instrumentos de planejamento distribuídos aos professores, incluindo uma programação curricular anual. O segundo foi a indução pelo poder público do uso de avaliações diagnósticas e de aprendizagem ao longo do ano como ferramenta para orientar o ensino.

O que aprendemos com o monitoramento e avaliação?

Foram documentadas, no artigo listado na seção abaixo, as seguintes evidências a respeito do impacto causal do programa:

  • aumento de 11% de um desvio-padrãoO desvio-padrão mede a dispersão de valores de uma variável - valores mais altos indicam maior ocorrência de valores longe da média e valores mais baixos refletem maior concentração de valores próximos à média. Para a distribuição normal, ou para distribuições razoavelmente similares a uma normal, um aumento de 10% de um desvio-padrão equivale a um efeito de 4 percentis a partir do percentil 50 - isto é, a passar da posição 50 para a posição 54, em uma fila de 100. na nota em um exame padronizado de Língua Espanhola (leitura), durante os 2 anos iniciais de operação do PAC [1];
  • aumento de 8,7% de um desvio-padrão na nota em um exame padronizado de Matemática (leitura), no mesmo horizonte temporal [1];
  • aumento de 5,5% de um desvio-padrão na nota em um exame padronizado de Ciências, no mesmo horizonte temporal [1];
  • os efeitos descritos acima foram mais pronunciados para alunos oriundos de famílias de estratos socioeconômicos mais altos e que estudavam em escolas com indicadores socioeconômicos mais altos [1];
  • não foram encontrados efeitos em um indicador da qualidade da interação entre o aluno e o professor, construído a partir de informação coletada por observação de aulas [1].

Quais as fontes bibliográficas dessa informação?

  1. Bassi, M., Meghir, C., & Reynoso, A. (2020). Education Quality and Teaching Practices. The Economic Journal130(631), 1937-1965.

Estamos trabalhando para que as páginas contemplem toda a evidência documentada sobre o tema e estejam sempre atualizadas. Se você quiser sugerir algum artigo, entre em contato.