← voltar para plataforma impacto

Formação Profissional em Desenvolvimento Infantil no Programa Hogares Comunitarios de Bienestar na Colômbia

Publicado em 19/10/2022 Atualizado em 01/04/2024
Compartilhe:

Qual o objetivo?

Oferecer educação profissional aos prestadores de cuidados na primeira infância.

Onde e quando?

O programa foi implementado em 2007 em Bogotá, Colômbia.

Como é o desenho?

A formação teve como alvo as madres comunitarias – profissionais das creches comunitárias ligadas ao programa Hogares Comunitarios de Bienestar ICBF -, foi gratuita e teve duração de 2640 horas, das quais 1320 foram aulas orientadas por instrutores em sala de aula, 440 envolveram realização de trabalhos individuais e 880 foram dedicadas a projetos de grupo e individuais. O currículo cobriu cinco temas principais:

  1. processos educativos na primeira infância destinados a promover o desenvolvimento cognitivo infantil;
  2. promoção de habilidades socioemocionais na primeira infância;
  3. estado nutricional e de saúde da criança desde a gestação até os 6 anos de idade;
  4. assistência em caso de acidente e doença súbita;
  5.  ética, transformação e liderança na comunidade.

O que aprendemos com o monitoramento e avaliação?

Foram documentadas, no artigo listado na seção abaixo, as seguintes evidências a respeito do impacto do programa:

  • aumento, em média, de 24% de um desvio-padrãoO desvio-padrão mede a dispersão de valores de uma variável - valores mais altos indicam maior ocorrência de valores longe da média e valores mais baixos refletem maior concentração de valores próximos à média. Para a distribuição normal, ou para distribuições razoavelmente similares a uma normal, um aumento de 10% de um desvio-padrão equivale a um efeito de 4 percentis a partir do percentil 50 - isto é, a passar da posição 50 para a posição 54, em uma fila de 100. em um indicador de qualidade do atendimento oferecido pelo, que continha informações coletadas por observadores externos sobre diversas dimensões, como rotinas de cuidados previstas nas diretrizes administrativas, ambientes e atividades ligadas às práticas pedagógicas utilizadas e interação com os pais sobre nutrição, saúde e disciplina [1];
  • aumento de 8% de um desvio-padrão em um indicador de saúde na infância, contendo informação sobre ausência de tosse, gripe e/ou resfriado, diarreia e outras doenças [1];
  • aumento de 40% de um desvio-padrão no desenvolvimento cognitivo para crianças menores de 3 anos e de 20% de um desvio-padrão para crianças maiores de 3 anos [1];
  • não foi encontrado efeito estatisticamente significanteChamam-se de estatisticamente significantes as estimativas de impacto que são distinguíveis do valor zero, após incorporada à análise as incertezas associadas à generalização para outras amostras de indivíduos. em um indicador de desenvolvimento físico, contendo informação sobre peso e altura por idade [1];
  • aumento de 17% de um desvio-padrão no desenvolvimento socioemocional de crianças entre 0 e 5 anos de idade [1].

Quais as fontes bibliográficas dessa informação?

  1. Bernal, R. (2015). The Impact of a Vocational Education Program for Childcare Providers on Children’s Well-being. Economics of Education Review, 48, 165-183.

Estamos trabalhando para que as páginas contemplem toda a evidência documentada sobre o tema e estejam sempre atualizadas. Se você quiser sugerir algum artigo, entre em contato.