45% dos dependentes ingressam no mercado de trabalho

Nesse sentido, de acordo com levantamento da Folha de S. Paulo, cerca de 45% de filhos e filhas de beneficiários conseguiram se alocar no mercado formal de trabalho. Em números reais, isso significa um total de 11,6 milhões de pessoas.

As informações fazem parte de uma pesquisa do Instituto Mobilidade e Desenvolvimento Social (Imds) com a consultoria Oppen Social. Ademais, a pesquisa é fruto do cruzamento de dados do sistema do Bolsa Família e da Relação Anual de Informações Sociais (Rais). 

Link para a matéria