Multimídia

Especialistas na área de economia e políticas públicas dão seus
depoimentos sobre o imds e os desafios que o Instituto tem pela frente

André Portela

Graduado em Economia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), mestre em Economia pela Universidade de São Paulo (USP) e doutor em Economia pela Universidade Cornell. Foi professor doutor da Universidade de São Paulo, professor assistente adjunto na Universidade Vanderbilt e professor visitante na Universidade Cornell. Atualmente, é Professor Titular de Políticas Públicas da Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EESP), coordenador do Centro de Microeconomia Aplicada (C-Micro) e diretor do FGV EESP Clear. É pesquisador do CNPq e atua nas áreas de avaliação de políticas públicas, mercado de trabalho, educação e políticas sociais.

Cecilia Machado

Possui graduação em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002), mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2005) e Doutorado em Economia pela Columbia University (2010). Atualmente é Research Fellow do Institute for the Study of Labor (IZA) e professora assistente da Fundação Getúlio Vargas - RJ. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Microeconomia Aplicada, Economia do Trabalho e Econometria.

Fernando Veloso

Graduado em Economia pela Universidade de Brasília. Mestre em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). PhD em Economia pela University of Chicago. Pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia (IBRE) da Fundação Getulio Vargas (FGV) do Rio de Janeiro e professor da Escola de Pós-Graduação em Economia (EPGE) da FGV/RJ. Pesquisador associado do Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolvimento Econômico da FGV/RJ. Autor de diversos artigos publicados em revistas acadêmicas nacionais e internacionais nas áreas de crescimento e desenvolvimento econômico, educação e mobilidade social.

Miguel Foguel

Possui graduação em Economia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1989) , mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1997) e doutorado em Economia pela Universidade Federal Fluminense (2007). É pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) desde 1998 e professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro desde 2009. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia dos Recursos Humanos, atuando principalmente nos seguintes temas: economia do trabalho, salário mínimo, pobreza, desigualdade e avaliação de programas sociais.



Topo